11 Viaturas de Polícia dos anos 60 e 70

Alguns carros da polícia paulista, sejam eles da polícia militar ou civil, ficaram para sempre em nossas memórias. Não importando se eram as antigas Baratinhas ou as temíveis Veraneios, apelidados de carros da repressão, sempre lembramos de alguma viatura do passado. Para refrescar a memória fizemos uma seleção de 11 fotografias inéditas dos antigos carros de polícia de São Paulo.

São viaturas que atendiam a Guarda-Civil, Rádio Patrulha, Polícia Militar, Casa de Detenção e a RUDI (Rondas Unificadas do Departamento de Investigações). Confira:

Baratinhas: Os populares Fuscas da polícia marcaram presença a partir dos anos 60. Fizeram parta da polícia por décadas e até alguns anos atrás ainda haviam algumas a serviço no interior do Estado de São Paulo.

Crédito: Divulgação
Força Pública – Viatura 307
Uma viatura de Santo André, ao fundo uma Rural da Polícia (anos 60)
Uma viatura Volkswagen e, ao fundo, uma Rural (centro de São Paulo, anos 60) – clique para ampliar
Viatura fotografada durante uma ocorrência policial (clique para ampliar).
Viatura 107 fotografada durante uma ocorrência policial (clique para ampliar).
As viaturas 307 (mais uma vez!) e a 335 em uma ocorrência (clique para ampliar).
As viaturas 307 (mais uma vez!) e a 335 em ocorrência policial (clique para ampliar).

Willys: A foto a seguir, de 1967, mostra uma charmosa Rural Willys a serviço da Inspetoria da Guarda Civil de São Paulo.

clique para ampliar
clique para ampliar

Ford: Na sequência, três furgões F100.

Viatura da Casa de Detenção (clique para ampliar)
Viatura da Casa de Detenção (clique para ampliar)
Destaque para o buraco de bala logo acima dos faróis (clique para ampliar).
Destaque para o buraco de bala logo acima dos faróis (clique para ampliar).
clique para ampliar
clique para ampliar

Chevrolet: Não poderiam faltar as viaturas da Chevrolet. Destaque para a primeira que é uma Chevrolet Corisco. A segunda não é uma Veraneio, mas aparentemente uma C10 (ou C14?). E, para encerrar, um caminhão da Guarda Civil.

clique para ampliar
clique para ampliar
clique para ampliar
clique para ampliar
clique para ampliar
clique para ampliar

Definitivamente um resgate ao passado de nossa polícia. Eu não me recordo de todos eles, mas quando era criança lembro das baratinhas da Polícia Militar e posteriormente dos Opalas que entraram na época do Governador Orestes Quércia.

E você ? Quais veículos da polícia que mais se recorda ? Deixe seu comentário!

Sugestão de leitura:

Compartilhe este texto em suas redes sociais:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Siga nossas redes sociais:
pesquise em nosso site:
ouça a nossa playlist:

45 respostas

  1. Aqui no Rio não me lembro da Rural como “camburão” (como chamamos até hoje). Me lembro da Veraneio. Tanto que o carioca, sacana desde sempre, apelidou as da Polícia Civil de “Veraneio Vascaína”, pela cor preta e branca (como as do time do Vasco da Gama).
    Os VWs (tanto da PM quanto da Civil) eram apelidados aqui de “joaninhas”, talvez por analogia na forma ao inseto de jardim.
    O pessoal de mais idade (que já chegou nos 70) ainda chama assim…

    1. Inclusive tem uma música do Capital Inicial que se chama “Veraneio Vascaína” J.C Cardoso…

      As viaturas que eu me lembro são do Corcel I que era vermelho na linha do teto e preto da metade da porta para baixo, me lembro das baratinhas da PM da época do Jânio na década de 80 e claro… das “crássicas” Veraneios da Rota.

      Só uma curiosidade… durante muito tempo a cor preta para Fuscas ou era exclusiva para carros de policia ou do poder público, ou era um opcional no caso dos clássicos Fuscões 1500, mas apenas para Fuscões 1500 1971/1972, ou seja, quem queria em 1971/1972 um Fuscão Preto tinha de pagar a mais para ter tal privilégio. A Volks só passou a produzir Fuscas pretos EM SÉRIE, somente nos “Itamar” em 1993/1994 (e somente nesses dois anos), logo, ver um Fusca preto original de fábrica, tirando os do poder público, era coisa rara… e é mais ainda nos dias de hoje.

      1. Aliás… sobre os Fuscões pretos, eu tirei esses dados do próprio site do Fusca Clube do Brasil, porém, teve um cara que encontrei num encontro de antigos que disse que não… que os Fuscas pretos que tinham na década de 70 eram pintados por seus donos, porém…

        http://www.fuscaclube.com.br/links-uteis/tabela-de-cores/cores-1971/#position

        http://www.fuscaclube.com.br/links-uteis/tabela-de-cores/cores-1972/#position

        Para quem quiser ver a tabela completa e ver que nos outros anos não consta a cor preta, está aqui aliás… Douglas… posso colocar links externos???

        http://www.fuscaclube.com.br/links-uteis/tabela-de-cores/#position

  2. Faltaram as Veraneios antigas da ROTA, os Opalas e os caminhões da Tropa de Choque que levavam os militares sentandos de costas na caçamba…

  3. Me lembro das tatico movel vermelha e preto.E quando foram substituidas as mlbiaturas na epoca do Gov. Quercia.

  4. Pra mim, os mais marcantes foram os Opalas da PM paulista do final dos anos 80, juntamente com as Veraneio (modelos antigos e os “novos” dos anos 90) da ROTA e da GCM (RONDA), além dos jipinhos Gurgel e mais recentemente, os Land Rover Defender do final dos anos 90.

  5. Pena que as fotos não sejam a cores mostrando o preto e laranja das antigas viaturas.. As fardas dos policiais eram marrom. Não se sabe por que foram trocadas.

    Aliás, falando em memória urbana, até hoje não se tem uma explicação da troca do nome FEPASA pelo atual CPTM. Vale lembrar que a Ferrovia Paulista S.A. tinha quase 30 anos de existência.

    E que podemos dizer do Silvio Santos? Quando comprou a falida TV Tupi resolveu mudar o nome da primeira emissora de televisão brasileira, enterrando assim 30 anos de história.

  6. Parabéns pelo acervo, Douglas. Apenas uma correção: a foto feita na Rua dos Estudantes não poderia apresentar uma S10 porque este modelo é novo. Creio que você estava se referindo a uma C10 ou D10. Abraço e bom trabalho.

    1. A foto da Rua dos Estudantes, é uma Chevrolet C14, chassi longo, foi usada
      em apoio às RPs VW Sedan, pois não era seguro transp.detidos, quando do encaminhamento à Del. de Polícia e posteriormente aos presídios.
      Hoje foi substituída pelas: Chev. Blaser, Toyota, Fiat Palio Weekend etc.

  7. Dava pavor ver as veraneios pretas e vermelhas no fim da década de 70 e começo de 80.

  8. Excelente postagem!

    O Marcelo disse acima algo que reparei também, no caso aquela era a versão picape(notável pela caçamba) e não a Veraneio, pois esta tinha um teto pronto, quando eles precisavam de uma traseira diferente desta, já partiam para o uso das picapes e nelas usavam essas capotas que a fechavam.

    Esta pode ser uma A10/C10/D10.

    Os Opala para mim são também muito marcantes entre as viaturas, e até mesmo a Kombi, não pode faltar.

    Abraços

  9. Mais uma vez Douglas vc fez nós voltarmos no tempo e lembrar das viaturas da PM paulista!Parabéns!

  10. Tudo bem que eu era uma criancinha nos anos 70 mas,a polícia jamais me causou medo.Medo eu tenho sim nos dias atuais,com vandalismo generalizado,ônibus incendiados,patrimônios públicos e privados destruídos…e tudo isso sem quê nem pra quê.Temo os rolezinhos,os pancadões,a tremenda falta de bom censo(leia-se educação)das pessoas hoje…mas a matéria acima está legal…

  11. Eu me lembro do Corcel vermelho e preto na década de 70. Do Gol cinza e branco da década de 80 e das bases
    móvel da PM que eram chamadas de Apolo que eram às Kombis !

  12. Artigo otimo, como todos os outros. Porem esse vale uma ressalva. Na penultima foto na legenda, faz-se uma referencia ao carro por nao se tratar de uma veraneio e sim uma S-10. Gostaria de salientar que a S-10 é um carro de 1997. Nessa foto, pelo jeitao do carro, deve tratar-se de uma C-10 ou C-14 da Chevrolet, modelos que estavam em linha na epoca.

  13. eheh… Aqui no interior, os fusquinhas preto e branco da policia civil, tinha o apelido de ‘corintinha’ em referencia a cor.

    1. Aqui no Rio, as viaturas da PM sempre foram azul e branco. Parece-me que a Polícia Militar acompanha as cores da bandeira do Estado, o que explica ser preto e vermelho aí e azul e branco aqui.

  14. Eu me lembro muito do Corcel vermelho e preto, além dos Fuscas e Veraneios da mesma cor, qdo.era criança. tinha tb.os Fuscas amarelos e pretos do DSV. Depois, nos anos 80, vieram os Opalas cinza e branco, além das Veraneios cinza da Rota.

  15. Parabéns pela publicação, minha sugestão é que continue com mais fotos diferentes viaturas…abraços…

  16. Sensacional…. quando morava em São Paulo ..morávamos na Av Nova Cantareira em um prédio.. de meu quarto se avistava a Av Agua Fria e Rua Dr Zuquim… na época “desfilavam´´ os Brucutus da tropa de choque , que assustava até pelo ronco dos motores, via tanbem os onibus da Policia Militar, Carbrasa-MBB, os caminhoes da Tropa de choque chevrolet, e 321 da cavalaria (cara chata), impoecavelmente conservados.bons tempos aqueles, sentiamos protegidos ,;;

  17. os caminhoes espinha de peixe da tropa de choque , brucutus e veraneios eram muito legais

  18. Na última foto há um caminhão Chevrolet 1973 com carroceria fechada. Era um caminhão para transportar tropa e ficava sediado na antiga Divisão de Reserva na Rua da Alegria, no Bras. Na cabina sua cor de fábrica era azul clara e foi colocada no chassis a carroceria com as cores azul-marinho da corporação deixando a viatura com duas cores. Essa viatura foi minha de escala, substituindo uma das “mulas-mancas” que a D.R. dispunha para deslocar a tropa. A Guarda Civil era verdadeiramente guardiã da sociedade e da família paulistana. Tenho orgulho de ter pertencido aos seus quadros.

    1. Corrigindo o ano de fabricação da viatura caminhão Chevrolet patrimônio 6255 da Guarda Civil. A viatura era 1965!

  19. Na minha infância, existiam os Jeeps na polícia, todos preto e branco, isso lá pelos anos 60. Obs: Jeep Willys

  20. Os caminhoes da tropa de choque eram apelidados de espinha de peixe…sairam de uso no fim dos anos 90,pois o codigo de transito proibiu o transporte de pessoas em carrocerias de veiculos.Mais deixaram muitas saudades…3 Batalhao de Policia de Choooooque….

  21. Carregavam 20 policias,ou seja um pelotao,onde iam em 2 fileiras de dez policiais equipados,de costas pro outro…a cor camuflada e o ronco do escapamento sem o catalizador intimidavam aonde quer que chagassem…feliz por ter vivido essa epoca..valeu Sgt Rodney Sd Binato saude a todos……

  22. Pouco se fala da policia ambiental…tive oportunidade de conhecer e vivenciar de tudo …uma pena que atualmente esta travada na burocracia,,,,,

  23. adorei lembrar da ‘baratinha’ … artigo ‘legal’ demais, como sempre!

    só senti falta de mais Veraneios, características da polícia dos anos 70.

  24. Exelente matéria sobre fotos antigas das viaturas, da PM e da PC, q poderiam transformar em um livro de fotos do passado, q foi época maravilhosa ,q admiro muito.

Deixe um comentário!

%d blogueiros gostam disto: