Sobrado – Rua Eng. Andrade Junior

A região do Belém mais próxima à Rua Herval e suas adjacências é uma área muito interessante para se observar residências antigas. Talvez a especulação imobiliária na região tenha sido retardada pela existência ali perto, durante décadas, da extinta FEBEM que, convenhamos, não ajuda em nada a valorização de imóveis.

Assim sendo por ali é possível encontrar casas antigas muito interessantes que, até hoje, são mantidas muito bem preservadas. É o caso dessa residência abaixo:

Localizada no número 372 da Rua Engenheiro Andrade Júnior, esse sobrado é de uma beleza encantadora e de arquitetura única no bairro. Totalmente preservado em sua originalidade, tendo apenas um toldo para cobrir o veículo instalado, o imóvel desperta a atenção dos entusiastas de casas antigas.

Desde o pequeno detalhe de azulejaria no topo da fachada até os piso de caquinhos de cerâmica no quintal, todos os detalhes são únicos. Destaco a ornamentação da balaustrada que é bastante peculiar, aos detalhes na entrada do imóvel com colunas.

A região é bem servida de ótimas construções antigas e, por serem relativamente próximas uma das outras, podem até ser visitadas em forma de tour. Recomendo!

Veja mais fotos (clique na miniatura para ampliar):

Compartilhe este texto em suas redes sociais:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Siga nossas redes sociais:
pesquise em nosso site:
ouça a nossa playlist:

8 respostas

  1. GOSTEI MUITO. MINHA FAMILIA ERA DO BELEMZINHO, CONHECI MUITO BEM ESSA VIZINHANCA NOS ANOS 60’S.

  2. É isso mesmo!
    O Belenzinho tem muitos imóveis antigos, e essa região já próxima da avenida Salim Farah Maluf, é rica em residências antigas e bem conservadas. Lá perto do metrô também é legal, com sobrados e casas térreas interessantes.
    Já na av. Celso Garcia, apesar das casa antigas de “meter medo” (no bom sentido, claro!), há muita falta de zelo, muito descuido com o lixo, por exemplo.
    Essa casa abordada na matéria fica próxima daquele casarão da rua Conselheiro Cotegipe, já abordado aqui no São Paulo Antiga, que era de um casal de alemães. Ela precisava de um belo restauro, pois era linda e muito grande. Digo “era” porque não sei se ainda está lá, já faz um tempo que não passo perto. Alguém sabe de alguma coisa?

Deixe um comentário!

%d blogueiros gostam disto: