Suvinil revitaliza Prédio Santo Antônio em Pinheiros

Incrustado no badalado, mas agradável, bairro de Pinheiros, em São Paulo, com piso de “caquinhos” vermelhos, portão de grades de ferro e apartamentos abaixo, acima e no nível da rua, é impossível passar em frente ao Prédio Santo Antônio sem admirá-lo e imaginar as inúmeras histórias vividas ali dentro. Ainda mais após a revitalização da pintura da fachada recentemente realizada pela Suvinil . 

O Santo Antônio antes da revitalização (clique na foto para ampliar)

ação nesse predinho histórico — não se sabe ao certo a data de sua construção, mas acredita-se que tenha sido erguido nos anos 1920 e logo comemorará seu centenário — com as cores da marca de tintas decorativas partiu de uma iniciativa dos próprios moradores. “O prédio estava superbom estruturalmente, mas a gente andava muito incomodado com essa questão da pintura”, conta Fabrizio Lenci, designer, ilustrador, proprietário de um dos apartamentos no endereço desde 2013 e síndico do Santo Antônio.

Por mais que tenha passado por pequenas reformas, cada vez mais raras ao longo dos anos devido aos custos e dificuldades de manutenção de construções antigas, as paredes externas do condomínio se encontravam manchadas, com pequenas rachaduras e descascando. “Estava um pouco triste com a pintura anterior. Não refletia todo o amor que dedicamos a ele nesses últimos anos”, relembra Lenci. Aquele prédio cheio de vida em seu interior não passava a mesma mensagem do lado de fora. “Então, a Suvinil embarcou no projeto e nos ajudou a mudar isso.” 

Depois de algumas conversas com Suvinil, chegaram às cores que agora dão outro tom ao Santo Antônio. A cor do ano de 2021 da marca, Meia-Luz, enquadrou a nova versão do local. Coincidentemente, assemelha-se à arquitetura original escondida sob as camadas das reformas do predinho. Para harmonizar e manter o tom aconchegante e familiar dali, optaram também pela cor Anoitecer para colorir muros, portas, janelas e esquadrias. 

Já revitalizado com a cor “Meia-Luz” da Suvinil (clique para ampliar)

A coordenadora de Marketing – Cor e Conteúdo na Suvinil, Sylvia Gracia, enxerga nesse trabalho a importância de preservar a memória do local. “Somos apaixonados por histórias. E o predinho Santo Antônio tem muitas. De cara, nos encantamos pelo local e passamos a pensar em conjunto, Suvinil e moradores, no futuro do casarão. Escolhida no Suvinil Revela 2021 e seguindo as principais tendências de comportamento e do setor, a cor Meia-Luz foi apresentada a eles e agora traz mais vida para as famílias que moram ali”, afirma Sylvia. 

O síndico do Santo Antônio sentiu uma diferença marcante com a pintura. “Quando você abre a janela e vê uma parede bem pintada, o reflexo que bate é bonito, a sua casa fica muito mais aconchegante. Agora tem até outro humor por causa da pintura da fachada”, explica Lenci. Nem os prédios altíssimos, modernos e recém-construídos ao seu redor, nem a badalação de Pinheiros oprimem essa construção histórica. “Ali, ele persiste firme e, agora, ainda mais charmoso. Assim como a Suvinil, que completa 60 anos em 2021, seus moradores estão mais e mais empenhados em preservar suas histórias”, comenta Sylvia. Quem sabe agora rumo ao bicentenário do Santo Antônio. 

Veja mais fotos do Prédio Santo Antônio:

Para acompanhar essas e outras ações criativas da fabricante, acompanhe seu perfil no Instagram @tintas_suvinil e se inspire com muita cor e histórias diversas no Pinterest da marca

Compartilhe este texto em suas redes sociais:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Siga nossas redes sociais:
pesquise em nosso site:
ouça a nossa playlist:

6 respostas

  1. Muito legal!
    E essas “lajotas” decorativas dão um charme especial, além de chamarem a nossa atenção para o que é belo!
    Na minha residência, em Guarulhos, eu fiz isso. Mandei fazer uma mureta logo acima da garagem, coloquei telhas(as “paulistinhas”, segundo o vendedor) e aí coloquei as lajotas. A casa não é antiga, mas ficou como se fosse…pelo menos pra mim…

  2. parabens pela preoocupação em conservar essa linda e segura obra.
    Em futuro próximo, pos pandemia, irei visitar esse lindo e querido predinho.
    Abs.do
    Ari Fiadi

  3. Show! Iniciativa similar tem a CDHU com o projeto Viver Melhor. Eles pintam a fachada (além de outras melhorias internas) de casas em favela. Deve melhorar muito a autoestima dos moradores.

Deixe um comentário!

%d blogueiros gostam disto: