Salão de Bailes – Tucuruvi

Os cinemas de bairro e salões de dança, salvo raríssimas exceções, desapareceram por completo na cidade de São Paulo. Se não foram demolidos, foram transformados em outros estabelecimentos comerciais, como lojas de calçados, de departamentos, ou no caso mais comum, em igrejas evangélicas. Mas na região norte da capital paulista, um antigo salão de baile parece que terá um destino um tanto incomum.

clique na foto para ampliar
clique na foto para ampliar

Localizado na própria Avenida Tucuruvi, já bem próximo da Avenida Guapira, este cinema já está desativado há muitos anos.

Até pouco tempo atrás suas instalações estavam dividas em três partes, transformadas em pequenas lojas que ficaram alugadas para comércio até cerca de dois anos atrás, quando o imóvel parece ter sido alugado ou vendido novamente.

Aparentemente o espaço do antigo salão foi alugado/vendido não para ser uma igreja evangélica, mas uma sinagoga. Pelo menos é o que indica ser através do depoimento de comerciantes vizinhos (que pediram para não serem identificados) e os próprios traços arquitetônicos da reforma, que descaracterizou bastante a fachada original, deixando o imóvel bem mais parecido a um templo religioso.

Fachada foi alterada e surgiu uma Estrela de David (clique na foto para ampliar).
Fachada foi alterada e surgiu uma Estrela de David (clique na foto para ampliar).

Aos poucos (a reforma começou no final de 2011) a fachada do antigo salão vai desaparecendo por completo e logo deixará de existir e ficará apenas e tão somente em nas memórias de seus antigos frequentadores.

Abaixo, mais uma foto atual do imóvel:

A antiga entrada do cinema (clique na foto para ampliar).
A antiga entrada do salão de bailes (clique na foto para ampliar).
Compartilhe este texto em suas redes sociais:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Siga nossas redes sociais:
pesquise em nosso site:
ouça a nossa playlist:

13 respostas

  1. Desculpe-me Douglas, mas esse prédio nunca foi o do Cine Tucuruvi e sim do Salão de Bailes Neosonia, o do Cine Tucuruvi não existe mais, era onde hoje é a Praça Arquiteto Flavio Império, foi demolido justamente para se fazer essa praça em 1976. Eu sei isso pois nasci e morei em Tucuruvi por mais de 50 anos e frequentei demais as matinês do Cine Tucuruvi, do Cine Valparaizo, onde hoje é o Carrefour e o Cine Gardel Palace, na av Guapira, que parece ser hoje uma Igreja Evangélica.

    1. Olá Marcão, como vai ?
      Realmente você tem razão e já corrigimos o texto. Infelizmente a pessoa que nos chamou e deu o depoimento contou a história exatamente oposta (que o salão é que foi demolido). A pessoa tem 90 anos e deve ter se confundido. Liguei para a pessoa e ela confirmou sua mensagem e por isso já alteramos o texto. Obrigado pelo aviso.

  2. Realmente os cinemas de bairro ( e de rua) quase na totalidade desapareceram. Gostaria muito de ver fotos antigas dos cinemas de rua, tanto do centro quanto dos bairros. Há um caso peculiar na zona sul: O Cine Vila Rica (na Av. Santo Amaro, Vila Nova Conceição) permanece fechado, mas com sua fachada conservada. Seria interessante ver qual o estado do seu interior. Lembrando que a Av. Santo Amaro, nos anos 1970, tinha uma vida noturna agitada, com inúmeros cinemas (Graúna, Guarujá, Vila Rica, Vila Nova , Radar, depois Del Rey) e restaurantes. Recentemente, também na região, fechou o cine “Lumière”, na Joaquim Floriano. Restam apenas cinemas em “shoppings”.
    José Rubens Demoro

  3. Meu Deus, moro praticamente ali ao lado desde 1977 e nunca soube que ali foi cinema. Pra se ver como a memória nesse país é tratada. Os únicos cinemas de que ouvi falar aqui no Tucuruvi foram o antigo Cine Fidalgo, na Av.Guapira e que depois se transformou no Bailão do João, que funcionou por muitos anos e hoje é uma igreja evangélica e o Cine Valparaíso, onde hoje fica o Carrefour. E, sim, ao que parece ali vai ser mesmo uma sinagoga. Pelo menos, todos os sábados, vejo pessoas ali com características de judeus.

  4. Desculpe! Mas esse prédio não é do antigo Cine Tucuruvi. O cine Tucuruvi ficava próximo de onde é hoje a Subprefeitura Santana e do Grupo Escolar Silva Jardim. Nesse local funcionava um salão de bailes e estava localizado entre as casas Pernambucanas (que eram bem próximas à avenida Guapira) e casas Buri (que nem existe mais)

    1. Tb acho isso, minha vó sempre morou em frente ao cinema e ao lado do Silva jardim, onde meus tios votavam. A tia Jô ainda mora aí.

  5. O Salão de Baile da av.Tucuruvi, próximo à Av. Guapira eu conheci omo Nelsonia (e não Neo Sonia) devia ser uma mistura de dois nomes. Havia outro salão em cima da Padaria que ficava em frente à Estação Tucuruvi (hoje o prédio está completamente novo. O Cine Fidalgo, na av. Guapira, fazia também salão de bailes de carnaval e hoje é uma Igreja. O Cine Tucuruvi, também fazia bailes de carnaval e o cine Valparaiso. Eu acho que aminha colaboração é só essa, quanto ao nome do Salão Nelsonia (aliás parece que esse salão fechou porque houve um assassinato dentro das suas dependências). Obrigado

  6. boa noite. Me chamo Terezinha das Graças e estou a procura de informações sobre um fato ocorrido em São Paulo, entre 1958 e 1969, Foi uma tragédia que ocorreu nessa época. Houve um incêndio em um salão, não sei se era clube ou cinema, e algumas pessoas morreram pisoteadas. Não consigo encontrar nada. Será que vc poderia me ajudar?

  7. Confirmo a informação que esse prédio nunca foi cinema, foi construído pela família de meu marido para ser salão de baile. O nome NELSONIA é realmente a junção dos nomes dos filhos do construtor , Nelson e Sonia e foi vendido apenas uma vez e se transformou em igreja.

Deixe um comentário!

%d blogueiros gostam disto: