Casarão – Rua Adolfo Gordo, 280

Sempre digo aos leitores que um passeio a pé pela cidade revela sempre grandes surpresas. Alguns bairros mais antigos, como Campos Elíseos e Santa Cecília são bem propícios a encontrar contruções antigas e interessantes.

E foi em uma destes passeios pelo centro que me deparei com este magnífico casarão do final do século XIX, preservado e bastante conservado no número 280 da rua Adolfo Gordo.

clique na foto para ampliar

Trata-se de incrível construção com mais de um século de história e que passa despercebido da maioria dos paulistanos.

A residência tem um estílo típico dos casarões paulistanos do final do século XIX e começo do século XX, com grandes janelas, porão alto e entrada lateral.

Além disso a construção, que tem um terreno bem amplo, possui uma grande edícula ao fundo. Aliás, edícula essa que por sí só é muito maior que muitas das casas que se constroem pela cidade atualmente.

clique na foto para ampliar

Ainda nesta mesma Rua Adolfo Gordo existem muitas outras construções antigas e bastante interessantes.

O triste é que muitas delas não são tombadas pelos órgãos de preservação e vivem sob o contínuo risco oferecido pela especulação imobiliária. Esta da foto, pelo menos, está protegida.

E basta só uma pequena manutenção e pintura para ela ficar deslumbrante.

Confira outras fotos deste imóvel (clique na fotografia para ampliar):

Conheça outras construções curiosas da região de Santa Cecília:

Compartilhe este texto em suas redes sociais:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Siga nossas redes sociais:
pesquise em nosso site:
ouça a nossa playlist:

9 respostas

  1. Sempre tenho a curiosidade de saber se casas como essa ainda tem moradores ou estão simplesmente fechadas/abandonadas.

  2. Nessas construções antigas o que sempre realça é o capricho nos detalhes. Nêsse caso, a janela maior tem um detalhe em tijolos aparente enquanto a janela menor, embora pertencendo (tenho duvidas) à mesma construção, ja posssui outro estilo. O mesmo se percebe na esquadria dos porôes. De qualquer forma, na reforma usando-se essas cores de tintas que se costumam pintar as edificações antigas, ficaria bem atraente.

  3. Acho que me lembro da data que foi furtada da fachada dessa casa, acho que era 1881. Acho uma pena que ali na esquina dessa mesma rua com a Al. Eduardo prado tenha um magnifico palacete todo degradado e sendo usado como cortiço e ponto de consumo de crack. Mas fico feliz que na esquina oposta existe uma empresa sensata e preocupada em manter as características de seu belo edificio, que ujm dia foi uma residência linda!

  4. Belíssimo exemplo de arquitetura. Excelente achado. Detalhes que remetem a certa imponência e orgulhosa marca de condição social da família que morou nesse lugar.

Deixe um comentário!

%d blogueiros gostam disto: