Casa de 1912 – Rua João Boemer

A preservação do patrimônio arquitetônico nunca foi e provavelmente nunca será uma virtude dos brasileiros. Basta rodar alguns minutos por regiões com construções relevantes em São Paulo e muitas outras cidades do país e ver um festival de casas antigas totalmente descaracterizadas, com adaptações que as transformam em um verdadeiro festival de horrores.

Aqui no Brás me deparei com este interessante sobrado de uso misto no número 972 da Rua João Boemer. Apesar de bem maltratado e com algumas intervenções questionáveis na fachada ainda é um imóvel atrativo.

Que falta faz uma educação patrimonial aos paulistanos e incentivos para os proprietários manterem suas fachadas antigas preservadas, não é mesmo ? Construído em 1912 o imóvel sofreu algumas alterações que não aprovo, como a remoção de duas estreitas janelas nas laterais da fachada e a troca da porta balcão por uma famigerada – sempre ela – janela de alumínio.

A colocação da janela foi tão mal pensada que eliminou o acesso à sacada que, por incrível que pareça, ainda mantém o gradil original.

O frontão ainda mantém seus detalhes, inclusive com um busto muito interessante no topo da construção. E foi olhando para essa parte do imóvel que encontrei, um tanto quanto apagado, o ano do imóvel: 1912.

clique na foto para ampliar

Fico aqui pensando como seria lindo ver este imóvel restaurado ao menos em sua fachada, valorizando seus detalhes. Acredito que deveria realmente haver um plano de desconto de IPTU a quem se motivasse a recuperar sua fachada original. Seria muito agradável para os olhos dos paulistanos e aos bolsos dos proprietários.

Veja mais uma foto, com destaque ao andar superior:

clique na foto apra ampliar
Compartilhe este texto em suas redes sociais:
Facebook
Twitter
WhatsApp
LinkedIn
Siga nossas redes sociais:
pesquise em nosso site:
Cadastre-se para receber nossa newsletter semanal e fique sabendo de nossas publicações, passeios, eventos etc:
ouça a nossa playlist:

4 respostas

  1. Meu! Que absoluta e total falta de bom senso! O que fizeram com essa casa é digno de cadeia! Manda prender, e rápido! Prisão perpétua!

  2. Reparando, eu vejo uma certa semelhança dessa cabeça sem rosto aí do alto, com aquela figura que aparece há décadas naquelas borrachas de apagar da Mercur, que, para nós, é Mercúrio, um deus grego. Só parece ou terá algo a ver? Quem saberá?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.