Casa – Rua Lopes Trovão, 76

Visitar o bairro do Bom Retiro, na região central de São Paulo, sempre nos revela gratas surpresas. É incrível como este bairro sempre me surpreende com construções belas e curiosas a cada passeio que faço por ali.

Toda vez acabo encontrando algo que nunca tinha visto antes em ruas que já tinha passado por inúmeras vezes. Isso mostra o quanto a cidade e rica história e atrações que muitas vezes ficam distante dos olhos dos paulistanos e dos turistas.

Pois foi no número 76 da curta rua Lopes Trovão que encontrei este belíssimo exemplar da São Paulo Antiga em um bom estado de conservação:

A residência, trata-se de um típico imóvel do início do século 20. Térreo, com o tradicional porão ao nível da rua, pé direito alto e entrada lateral. Na sua fachada, uma profusão de elementos decorativos que vão desde o alto da construção até o nível da calçada com as grades decorativas das pequenas janelas do porão e o pequeno e charmoso portão de entrada, do lado direito.

Casas como essa não foram projetadas para automóveis, razão pelo qual muitas delas não possuem garagem. Assim, a grande maioria acaba sofrendo transformações que mutilam drasticamente a fachada, em prol de um lugar para acomodar o carro. No caso desta residência, houve uma discreta intervenção no porão para transformá-lo em uma garagem. O resultado até que não foi ruim.

Detalhe da fachada do imóvel (clique para ampliar)

Apesar de estar carente de uma boa pintura, a casa está absolutamente preservada e muito bem conservada. É um belo exemplar de como era o Bom Retiro cerca de 100 anos atrás.

Que nos próximos passeios pelo Bom Retiro eu descubra ainda mais casas como esta.

Confira outras fotos desta residência (clique para ampliar):

Compartilhe este texto em suas redes sociais:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Siga nossas redes sociais:
pesquise em nosso site:
ouça a nossa playlist:

11 respostas

  1. Que beleza, um achado mesmo! E realmente a intervenção da garagem ficou bem discreta. Oxalá todas as reformas fossem assim!

  2. Fico feliz em saber que ainda existem casarões preservados. Aqui na minha cidade, João Pessoa-PB, principalmente na Rua das Trincheiras, há casarões belíssimos que estão quase totalmente destruídos. Fico muito triste qdo. vejo esses casarões nesse estado. Se eu pudesse, compraria todos eles (se estivessem à venda) claro, faria uma restauração sem mexer no original e um contrato de comodato com que quisesse habitá-lo e obrigatoriamnte preservá-lo.

  3. GENTE COM CERTEZA AS CASAS DO LADO ERAM IGUAL A ESTA MAIS JA FORAM DEMOLIDAS TAMBÉM .

    1. Meu bisavo italiano quando casou foi morar na casa numero 118 dessa rua. Morou lá por muitos anos, até 1934 quando faleceu.

  4. Qdo meus pais se casaram em 61 foram morar nesta casa ( parte dela pois era nós fundos)

    1. Boa noite sr. Durval, que legal. Acabei de ler o seu comentário. A casa hoje não tem ninguém e eu sou a neta.
      Quando os seus pais casaram , eu era muito pequena e não lembro . Eu tenho saudades das uvas que tinham no fundo do quintal, abraços…

  5. Olá, minha mãe e seus irmãos/irmãs moraram nessa casa por volta de 1970/80. Inclusive contam algumas histórias/experiências bem pesadas sobre ela. De pessoas que tiraram à própria vida, até de irmãos que fizeram isso juntos. Antes e depois delas morarem lá. Não sei da vericidade disso. Pesquisei mas não encontrei nada sobre.

Deixe um comentário!

%d blogueiros gostam disto: